Diretoria da Unimed Varginha confirma cancelamento de cirurgias não urgentes

Um áudio que circula em grupos de Whatsapp tem chamado a atenção de moradores de Varginha e cidades próximas, especialmente usuários do plano Unimed.

No áudio um homem afirma que houve aumento expressivo na ocupação de leitos de UTI do Hospital Humânitas, que 14 funcionários estão afastados, quase todos por covid, e que todas as cirurgias não urgentes estão canceladas. Em nota divulgada para a imprensa a diretoria do grupo Unimed Varginha confirma suspensão das cirurgias eletivas e lembra que isso já foi feito em outros momentos durante a pandemia, e afirma que, entre 550 funcionários, sete estão afastados com sintomas de gripe e três tem exames positivos para covid.

A nota afirma que não há motivo para pânico, mas a população deve manter as medidas de higiene e distanciamento social. Assinam o documento, Raimundo Nonato Castro Andrade, Diretor Presidente do Grupo Unimed Varginha, e outros três diretores.

Confira a nota na íntegra

NOTA INFORMATIVA 17.12

Repórter Estela Torres

Foto Varginha Online

Compartilhar no:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *