Tricordiano não pode mais usar estádio Elias Arbex

A notícia foi divulgada pelo próprio Tricordiano, através de suas redes sociais. O Clube não pode mais usar o estádio Elias Arbex nem qualquer cômodo de suas dependências. A decisão foi da prefeitura de Três Corações e, segundo o Clube, tem motivos políticos. Na nota divulgada, o Tricordiano afirma que a atitude pode resultar na mudança do time para outra cidade, e a diretoria pede apoio da população para reverter a situação. A notícia do despejo pegou de surpresa a diretoria do Tricordiano. Há dez dias o clube divulgou, também pelas redes sociais, que havia iniciado algumas reformas no estádio para atender exigências dos laudos de segurança da Polícia Militar e deixar o Elias Arbex pronto para a temporada de 2018, quando o time vai disputar o módulo dois do campeonato mineiro. A prefeitura também emitiu nota informando que é dona do estádio, paga todas as despesas, cedeu ao Tricordiano até outubro desse ano, mas os acordos com a diretoria do time para renovação ou encerramento do contrato não estavam evoluindo, por isso o município optou pela medida judicial de despejo. Na nota a prefeitura também se compromete a ceder o estádio para o Tricordiano durante o Módulo 2 em 2018, mas retomará a gestão.

O Tricordiano foi despejado do estádio Elias Arbex, em Três Corações. Informação do próprio clube nas redes sociais. A prefeitura decidiu que o Tricordiano não pode mais usar nenhuma dependência do estádio, e a diretoria afirma que a decisão tem motivos políticos e pode resultar na mudança do time para outra cidade. Há dez dias o clube divulgou que havia iniciado reformas no estádio para atender exigências da Polícia Militar e deixar o Elias Arbex pronto para a temporada de 2018, quando o Tricordiano vai disputar o módulo dois do campeonato mineiro. A prefeitura informou que é dona do estádio, paga as despesas, cedeu ao Tricordiano até outubro desse ano, mas os acordos para renovação ou encerramento do contrato não estavam evoluindo, por isso optou pela medida judicial de despejo. Na nota a prefeitura também se compromete a ceder o estádio para o Tricordiano durante o Módulo 2 em 2018, mas retomará a gestão.

Compartilhar no:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *